NOÉ – A FÉ QUE SE AJUSTA A REVELAÇÃO DE DEUS

Olá! Estamos de volta, depois de uma longa pausa, para dar continuidade aos nossos estudos.

Hoje voltamos à série sobre a Fé. O que é Fé? Ao longo dos estudos no capítulo 11 de Hebreus temos tentado compreender e responder esta pergunta, pois existe muita confusão, mesmo em grande parte dos evangélicos, sobre o que é fé, e com isso, vem as bizarrices e também, muitas vezes, a culpa por não ter alcançado determinada benção por não ter tido “fé”. Por isso, precisamos olhar para a Bíblia, pois ela é a nossa regra de fé e prática, é dela que temos que tirar o entendimento do próprio conceito de fé conforme o autor da Bíblia e da nossa fé – Jesus Cristo, pois o conceito bíblico de fé difere muito das religiões e do entendimento popular sobre este assunto. Voltemos a Bíblia, voltemos ao evangelho, pois só assim poderemos entender o que é fé e como agradar a Deus, “pois sem fé é impossível agradar a Deus…” (Hebreus 11.6).

Depois de falar da fé que recebe aprovação de Deus – a fé de Abel, e também da fé que agrada a Deus – a fé de Enoque, o autor da carta aos Hebreus nos apresenta o terceiro exemplo de fé conforme ele a definiu no versículo um. Chegou à vez de conhecermos a fé bíblica através do exemplo de Noé.

Pela fé Noé, quando avisado a respeito de coisas que ainda não se viam, movido por santo temor, construiu uma Arca para salvar a sua família. Por meio da fé ele condenou o mundo e tornou-se herdeiro da justiça que é segundo a fé. (Hebreus 11.7)

Note a semelhança do começo desse versículo com a definição de fé em Hebreus 11.1: Continuar lendo

ENOQUE – A FÉ QUE AGRADA A DEUS

Mais de 500 anos já haviam se passado sobre a Terra desde a queda do ser humano, quando Adão desobedeceu a Deus no Jardim do Éden e a morte entrou no mundo. Durante esse tempo, certamente muitos haviam experimentado a morte física, Abel foi um desses que a experimentou, e de forma violenta ao ser assassinado por seu irmão. Se levarmos em conta o tempo desde a queda até o dilúvio, que é de no mínimo 1500 anos, muito mais mortes entrarão nessa lista, de fato, no diluvio toda a raça humana, com exceção de Noé e sua família, experimentaram a morte física. No entanto, um personagem, dentre todos estes, escapou da morte, ele foi o primeiro homem depois da queda de Adão e Eva que não morreu, pois ele foi arrebatado e não experimentou a morte, ele foi o sétimo depois de Adão e bisavô de Noé, seu nome era Enoque. Continuar lendo

ABEL: A FÉ QUE RECEBE APROVAÇÃO DE DEUS

Pela fé Abel ofereceu a Deus maior sacrifício do que Caim, pelo qual alcançou testemunho de que era justo, dando Deus testemunho dos seus dons, e por ela, depois de morto, ainda fala. (Hebreus 11:4)
As coisas mais importantes da vida, aquelas que agradam a Deus, são realizadas pela fé, pois qualquer ato, ainda que seja ele o mais nobre entre os homens, se não for feito pela fé, será um insulto para Deus, pois sem fé é impossível agradar a Deus (Hebreus 11.6), pois por mais que sejam obras excelentes, só terão valor se forem feitas pela fé. Temos visto até aqui que a Fé é o elemento que faz com que homens e mulheres adequem as suas vidas em vista das grandiosas promessas de Deus. Assim os antigos agiram (os homens de Deus mencionados nesse capítulo a partir do versículo 4) e alcançaram bom testemunho de Deus. A fé também é um elemento fundamental para o perfeito conhecimento, pois “pela fé entendemos”, quem não crê não compreende até as verdades mais simples que existem. Agora chegamos ao ponto de ver Abel entrando em ação pela fé. E é essa fé de Abel que fez com que ele fosse aprovado diante de Deus. Continuar lendo

O QUE É FÉ? – OS MODELOS DE FÉ DO ANTIGO TESTAMENTO NA CARTA AOS HEBREUS – PARTE 2 – Uma Descrição da Fé

.Estamos explorando o tema fé conforme a Bíblia, pois esse é um tema muito importante para cada ser humano, pois tem implicações para nossa vida aqui nesta era e para a nossa existência no futuro pós-túmulo, ou seja, na eternidade ou como a Bíblia chama: na próxima era. Começamos no artigo anterior fazendo uma descrição da fé a partir de Hebreus 11.1-2. Naquele estudo vimos que Hebreus 11.1-2 não é uma definição completa daquilo que a Bíblia chama de fé, entretanto, nós trabalhamos duas descrições importantes que o autor de Hebreus faz referente à Fé. Na primeira descrição vimos que a fé é a hypostasis daquilo que esperamos, ou seja, é uma antecipação daquilo que receberemos nos céus, é uma garantia de que receberemos o restante, é um documento que comprova que receberemos o restante das promessas de Deus, não é a promessa em si, mas garantia de que receberemos ela, portanto uma certeza. Vimos também que a fé é elenchos daquilo que não vemos, ou seja, é a prova, é a demonstração, é uma evidencia de que receberemos todas as promessas de Deus para nós em Cristo Jesus, a própria fé é uma evidência das coisas que não vemos. Essa fé possibilita-nos viver a vida dos céus aqui na terra, pois parafraseando C. S. Lewis, se pensamos no outro mundo, somos eficazes nesse mundo, pois a fé possibilita ajustarmos as nossas vidas em função das grandiosas e graciosas promessas de Deus para nós em Cristo Jesus. Continuar lendo

O QUE É FÉ? – OS MODELOS DE FÉ DO ANTIGO TESTAMENTO NA CARTA AOS HEBREUS – PARTE 1 – Uma Descrição da Fé

O capítulo 11 de Hebreus é conhecido como “a galeria dos heróis da fé” e nada melhor do que começarmos com esse capítulo a fim de respondermos a grande questão: O que é fé? Como a fé tem importância vital para a nossa existência, agora e no pós-morte, precisamos meditar sobre o que é fé, na fonte mais confiável e esclarecedora sobre esse assunto – a Bíblia. Pois a Bíblia é a nossa regra de fé e prática, ou seja, ela é suficiente e tem autoridade para nos conduzir dentro da vontade de Deus – não existe maneira de agradarmos a Deus se contestamos o que a Bíblia nos ensina.

CONTINUE LENDO >>>